Blog

Conta ordenado: sim ou não?

Conta ordenado: sim ou não?

Ao optar por uma conta ordenado, tem acesso a um descoberto autorizado, muitas vezes no valor equivalente ao do ordenado. Este valor deve ser bem gerido e controlado, de forma a não fazer com que gaste ainda mais e ultrapasse os gastos, fugindo desta forma ao seu planeamento financeiro.

 

📌 Leia também:
O que é um crédito consolidado?

Hábitos que vão mudar a sua vida financeira para melhor

 

Ao ter o ordenado domiciliado, não implica ter obrigatoriamente um descoberto ordenado, tem essa possibilidade mas é sempre o cliente que escolhe e toma essa decisão. Antes de optar por este tipo de conta, deve responder a estas duas questões: 

Precisa mesmo deste valor a descoberto? 

Será que o descoberto autorizado não vai fazer que gaste mais do que o necessário, acabando por pagar juros sobre este valor?

É verdade que a conta ordenado traz vantagens – é uma garantia caso surja alguma despesa inesperada de ter um valor para além do vencimento. Pode trazer bonificações caso queira contrair um crédito habitação, por ser um produto associado com destaque por ter todos os meses um valor correspondente ao salário a ser creditado na conta, entre outros. No caso de utilizar o valor do crédito autorizado, não se esqueça de ir utilizando e não utilizar todo de uma vez, para o esforço em liquidar não se torne maior e só mesmo numa exceção, para não se tornar numa bola de neve.


Portanto, uma conta ordenado pode ser, ou não, uma boa solução, dependendo da sua situação! 
Antes de tomar uma decisão, pense sempre nos prós e nos contras a faça um aconselhamento mais direcionado de forma, a poder ter toda a informação de que necessita para o(a) ajudar a tomar a melhor decisão.

 

Precisa de aconselhamento para criar uma conta ordenado e gerir o seu orçamento familiar? Vamos conversar!

Partilhar:
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn
Scroll Up